11/30/2009

Dia 12 de Dezembro às 21h30 na Casa Municipal de Cultura de Seia

Fotografia de Andreas Dyrdal


Nocturno

de Luís Carolino


Uma mulher da vida, um homem solitário e uma falsa suicida habitam um espaço vazio.
Nocturno assume-se como uma visita à vida destas três personagens guiada pela própria Morte, a quarta personagem em cena, que nos fala a todos na primeira pessoa; fala-nos de si, do seu «trabalho», e de como nos vê. Um olhar muito próprio, implacável, terrível, mas, ao mesmo tempo, quase maternal: uma reflexão sobre esse incrível e improvável grão de tempo que é a nossa vida, o tudo-nada durante o qual somos.

Nocturno é uma incursão no nosso lado mais escuro, não necessariamente o nosso lado mais negativo, apenas o mais privado e secreto; o lugar de todos os medos e todas as ternuras, o reino da sensibilidade, da intimidade; o sítio onde nos encontramos com nós próprios.
Uma certa e solitária melancolia encontra-se com o mal de vivre contemporâneo deste nosso mundo que parece ter perdido o pé.

Isto assusta-nos, muito, mas é preciso não ter medo.
Luís Carolino, Maio 2008

11/23/2009

"Nocturno" no ContraDança

O BCN apresenta "Nocturno" de Luís Carolino 
dia 26 às 21h45 
Cine Teatro Avenida em Castelo Branco 


[cartaz+cd+09+cast+branc.jpg]

Mais info aqui

Google+ Followers